Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

segunda-feira, 22 de junho de 2020

Goios (Barcelos) - Capela da Santa Cruz

fotos victor nogueira - Goios (Barcelos) - Capela da Santa Cruz

Entre Remelhe e Goios um templo inacabado, à beira da estrada, chama a atenção. Perto encontra-se a pequena  e modesta Capela da Santa Cruz, a qual ostenta sobre a sua porta principal a seguinte inscrição : -- SANTA. CRVS. Por cima da fresta, aberta ao lado daquela porta, tem a data -- 1842 e do outro, no sitio onde devia ter a outra fresta, vê-se urna lápide com a seguinte inscri­ção -- A. FESTA. HE. NO. PR.º DOMINGO DE JVNHO. Dentro, no soalho, tem uma abertura feita em forma de cruz e cercada de grades de ferro, para indicar o sitio onde aparece no solo o desenho da ctuz que originou a construção deste templo.

«Junto desta capelinha, um pouco ao sul, erguem-se as paredes de um edifício em parte concluídas até a cornija e pirâmide, o qual ainda incompleto, pelas proporções que apresenta, devia ser grandioso. Dentro vê-se um veio de terra mais escura, em forma de cruz, cujo aparecimento o povo atribuiu a causa milagrosa.

Na ultima década do século XIX fizeram-se aí romarias importantíssimas a que os devotos concorriam com grandes donativos, que eram aplicados na construção do projectado templo.

Não tendo porem o milagre do aparecimento desta cruz conseguido a aprovação das autoridades eclesiásticas, foi esta devoção arrefecendo e caiu por completo, não se realizando por isso a sumptuosa obra que estava projectada.» in História - Góios - Município de Barcelos









***
fotos em 2003 e 2016

Paulo Lobarinhas refere que em Góios existem duas cruzes de terra preta, uma na capela (~1845) e outra no edifício que iria ser um santuário (~1895).

ver  Paulo Lobarinhas - Santa Maria de Goios e o culto da Santa Cruz

Sem comentários: