Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

sexta-feira, 11 de março de 2016

Com o Alentejo na alma


Foto Victor Nogueira - Texto Elísio Estanque - Um texto a ler

Elísio Estanque ~ Com o Alentejo na alma 11/03/2016 - 01:15

Um alentejano assumido pode ficar ou partir, mas mesmo quando parte nunca se separa. Caminha pelo mundo com o Alentejo na alma.

texto  completo em

http://daliedaqui.blogspot.pt/2016/03/elisio-estanque-com-o-alentejo-na-alma.html

Comments
Clara Roque Esteves Vítor, meu amigo, estas tuas crónicas são sempre umas pérolas. Essa " gana" alentejana que eu nunca consegui entender bem....Abraço.
Victor Barroso Nogueira O meu avô e tios avós paternos eram alentejanos (de Mora), palmilhei todo o Alentejo, de lés a lés, e vivi uma eternidade em Évora, os meus cunhados são da margem esquerda do Guadiana e os meus filhos nasceram em Évora. E em casa, em Luanda, na discoteca paterna, havia muitos discos de música coral operática, soviética e alentejana.. 
Emoji smile
Victor Barroso Nogueira
Escreve uma resposta...
Emoji heart
Milu Vizinho Bonita imagem.camarada Victor...Obrigada pela partilha. , Eu gosto muito do Alentejo.
Emoji heart
Não gostoResponder122 hEditado
Maria José Fonseca Linda imagem do Alentejo!
Não gostoResponder222 hEditado
Maria Lisete Almeida Boa tarde Amigo Victor Nogueira. Bem haja pela oartilha. Uma óptima tarde de domingo.
Não gostoResponder13 h
Judite Faquinha Meu querido camarada Victor linda história que eu conheço, mas devias começar pela LISNAVE ALMADA, CUF BARREIRO BAIXA DA BANHEIRA E ALHOS- VEDROS ONDE AS INDUSTRIAS CORTICEIROS TINHAM MUITOS TRABALHADORES ALENTEJANOS, E ONDE HOUVE MUITOS PRESOS NOS AN...Ver mais
Não gostoResponder1