Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

entre douro e minho - a informação por vezes "escondida"

* Victor Nogueira (texto e fotos)


A informação diversificada, desde a toponímia à publicidade, com o intuito  de esclarecer  ou de convencer. Em não poucos casos a "informação" está como que escondida pois não foi o motivo da foto e noutros ela é apenas um lembrete, auxiliar de memória intercalado na sequência das imagens registadas como se rápidas notas manuscritas tivessem sido gravadas num bloco de apontamentos, em letra apressada e por vezes ilegível.  Clicando no título amarelo é direccionado para o respectivo post


       Estas andançaa foram objecto de outras duas séries temáticas:




Sem comentários: