Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

segunda-feira, 27 de julho de 2020

a Austin Mini Cooper de matrícula L - 17 179



foto de família - esta carrinha Mini Cooper terá sido o primeiro bólide dos Nogueira da Silva, em Luanda. De matrícula L - 17 179 (posteriormente APN - 02 - 98), creio que era de côr creme. Naquele tempo não havia as  actuais limitações de segurança rodoviária e a miudagem gostava de ir em pé, na carroçaria, agarrados à grelha, com o vento a bater no rosto.

Esta foto é de 1954 e creio que foi nesta carrinha que a minha mãe me ensinou a conduzir, no Parque Florestal da Ilha do Cabo, teria eu 12 anos..

Na foto um dos colegas de engenharia dos meus pais, creio que o César. Este e outro colega deles, o Espinheira Rio, foram meus grandes amigos na infância, como o Boaventura de Freitas o foi na minha adolescência.

Nos arredores de Luanda



Na foto o Zé de braço engessado, 
após uma aparatosa queda ao sair da escola, a correr.

Na Praia do Bispo. cerca de 1958 - fotos jj castro ferreira

Sem comentários: