Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

terça-feira, 26 de maio de 2020

Alvarelhos - Monte de Santa Eufémia

* Victor Nogueira


O recinto do Santuário de Santa Eufémia, no Monte homónimo, na freguesia de Alvarelhos (Trofa),  situa-se no mais alto da serra que dá nome à freguesia. Vou lá com o vizinho Alcino, do Mindelo ,num cinzento e pluvioso dia de Outono. Aqui se realizam feiras dominicais e, em Setembro, as concorridíssimas Festas em Honra de Santa Eufémia. Ao longo do ano realizam-se outros eventos, como as Rusgas à Santa, o Festival de Concertinas e Cantares ao Desafio e o despique de bandas filarmónicas.

Trata-se dum muito antigo local de devoção entre as comunidades piscatórias do Norte de Portugal, em especial as de Espinho, Matosinhos, Vila do Conde e Póvoa de Varzim. Este sítio, visível desde o alto mar, é um ponto de referência tradicional para a navegação de costa, que teve mais importância. Nele funcionou um facho que, antes da implantação dos actuais sistemas marítimos de sinalização luminosa e sonora (os faróis), era mantido aceso durante a noite e em dias de nevoeiro para orientação náutica.

O recinto, com miradouro de amplas vistas, parece-me inóspito, «desarrumado”, deprimente, talvez fruto do dia cinzentonho, com a sua Capela, a hospedaria dos peregrinos, a Casa do Facho, o coreto, os restaurantes, a venda de ex-votos anatómicos em cera, em consonância com a "graça" a pedir, e muitos automóveis, alguns de grande cilindrada. .. O actual templo data de 1728, tendo sido reformado em 1899 e restaurado, ampliado e totalmente renovado em 1996.




Casa do Facho



Hospedaria dos peregrinos


Coreto

Venda de ex-votos





Capela de Santa Eufémia

Sobre o culto de Santa Eufémia ver
O culto à virgem mártir santa Eufémia em Portugal

Fotos em 2015.10

Sem comentários: