Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Fugas e Hospedeira daRyanair




Dia das Mentiras: Agora a sério: Ryanair continua a ter pilotos e não substitui hospedeiras… Porém, será que a rainha de Inglaterra voou na easyJet?

Era demasiado evidente, não era? Tivemos leitores em dúvida, leitores a rir e até leitores que acharam que a mentirinha pecava por ser demasiado evidente (especialmente no Facebook). Abram-se alas para comentário oficial: pautamo-nos por fornecer sempre informações verdadeiras (e corrigir quaisquer erros o mais depressa possível); uma mentira, mesmo a 1 de Abril, só poderia ser, a nosso ver, fácil de desmontar.
.
Estávamos na dúvida era sobre o alvo, mas decidimo-nos de imediato quando nos chegou um comunicado da Ryanair a anunciar a substituição de hospedeiras e comissários de bordo por máquinas de venda automáticas... Além de que a Ryanair (a quem agradecemos a paciência) tem por tradição inventar sempre uma boa no 1.º de Abril (uma das nossas preferidas é o anúncio de voos "low cost" para a Lua). Aos nossos leitores que não apreciam estes delírios de 1 de Abril, fica também o nosso agradecimento pela tolerância... (já agora: as imagens que ilustravam a peça pertencem ao filme "Aeroplano").
..
A propósito, a easyJet também entrou na brincadeira, mas ao contrário da Ryanair, cujo comunicado dava a sua piadinha por verdadeira, a concorrente explicava claramente que era uma informação fictícia, porém, convenhamos, muito bem preparada com comunicado e vídeo: Teria a rainha de Inglaterra viajado na easyJet? "Sua Majestade esteve ontem no aeroporto de Londres Luton, onde foi vista a entrar para o seu primeiro voo público de sempre, em direcção à Escócia", "E em vez de utilizar o comboio real – que custa aproximadamente €60 por viajem – a poupada monarca optou por apanhar um voo da easyJet em alternativa, que apenas lhe custou €23 euros..". Fica a "prova":
.
Já agora, sublinhe-se que não era a primeira monarca a voar numa companhia de baixo custo: a Rainha Sofia de Espanha já experimentou a Ryanair.
.

Sem comentários: