Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

terça-feira, 9 de março de 2010

Fotógrafo Paulo Nozolino preocupado com «o estado do mundo»

Diário Digital - domingo, 7 de Março de 2010 | 00:43
.
.
O fotógrafo Paulo Nozolino afirmou hoje que está preocupado com o «estado do mundo» e que são poucos os artistas que ainda reagem à situação atual.


O criador da área das artes visuais foi um dos distinguidos com o prémio da Associação Internacional de Críticos de Arte/Ministério da Cultura (AICA/MC) 2009, também atribuído, a título póstumo, ao arquiteto açoareano Paulo Gouveia (1939-2009).
.
Os prémios são atribuídos anualmente a duas personalidades «cujo percurso profissional seja considerado relevante pela crítica, e cujo trabalho tenha estado particularmente em foco no ano a que diga respeito».
.
Diário Digital / Lusa
.
-.

Sem comentários: