Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

exposição fotográfica ?Olhar Dela?, da Jornalista Kelly Baêta

Cultura

27/11/09 08:42
Jornal Alagoas em Tempo Real

Dia 30, é o último dia da exposição fotográfica ?Olhar Dela?, da Jornalista Kelly Baêta

Kelly Baêta

Ampliar foto
Aberta no último dia 13, dentro das comemorações dos 99 anos do Teatro Deodoro, a exposição “Olhar Dela”, da Jornalista Kelly Baeta, permanecerá no Café da Linda, localizado no próprio teatro, até o dia 30 de novembro.
.
Com fotos de crianças na Lagoa Mundaú, Kelly mostra um olhar próprio, como apresenta o texto do artista visual Fredy Correia: Sem se ater aos aspectos sociológicos explícitos no seu trabalho, Kelly Baeta nos arrasta em busca de um olhar profundo, um verdadeiro mergulho no nosso "universo" íntimo, onde as incertezas, os medos, idéias e a angústias se fundem! É um mergulho no inconsciente de cada indivíduo, tendo como porta de entrada o "olhar e o gestual”. Sua proposta nítida é subverter "a realidade" cruzando a fronteira estética e impactante dos temas abordados na mostra, deslocando a fotografia de sua função precípua, buscando reformular a realidade.
.
Após o impacto real e sociológico encontramos na fotografia de Kelly Baeta, não apenas o olhar documentarista sobre os aspectos social e antropológico, mas também um convite a uma intensa viagem através do "olhar do outro". O olhar, dizem é a janela da alma e a artista aqui nos instiga a adentrar e investigar o que mais interessa "uma reflexão riquíssima" o olhar como forma de "percepção do outro", compreensão do mundo exterior e das perspectivas de nossa existência. Kelly Baeta é uma artista da novíssima safra de jovens, que demonstram em forma de arte contemporânea, o descontentamento com o "óbvio e real" ultrapassando fronteiras, descartando já conhecidos e surrados caminhos”.
 .
Serviço:
.
Exposição fotográfica “Olhar Dela”, da jornalista Kelly Baeta
Local: Café da Linda, no Teatro Deodoro
Até 30 de novembro de 2009
Horário: das 10 às 18h
Informações: (82) 3315-5665
www.teatrodeodoro.al.gov.br
.

Cultura

10/11/09 15:01
Jornal Alagoas em Tempo Real

Teatro Deodoro comemora 99 anos com muita arte

Kelly Baêta

Ampliar foto
Para comemorar os 99 anos do Teatro Deodoro, completados no dia 15 de novembro, a Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas (DITEAL) promove nesta sexta, 13, a partir das 20:30h, uma grande noite de festa, com diversas manifestações artísticas.A jornalista Kelly Baêta estará fazendo a abertura de sua exposição de fotografias “Olhar Dela”, no Café da Linda, localizado no próprio teatro, e que ficará até o dia 30 de novembro. A noite começará com o recital realizado pelo pianista Expedito Rossiter.
.
A noite comemorativa também terá o projeto “Papel no Varal”, convidado pela DITEAL, e que leva poesia através de saraus realizados desde março deste ano, que conta com poemas pré-selecionados e impressos numa folha A4, dispostos num varal de sisal, com pegadores rústicos de madeira. A partir do ambiente simples, curioso e rico em poesias alagoanas, brasileiras e internacionais, o sarau é formado, de modo que qualquer pessoa pode ler/intepretar quaisquer poemas do varal, desde que não seja o seu e nem sejam em seqüência. Desvinculado da ideia do sarau tradicional em auditórios fechados, ao permitir a livre participação da população, o Papel no Varal favorece um dinamismo, que se enfatiza com o tamanho dos poemas que dura em média um minuto de interpretação. “Embora a subjetividade sempre exista, a escolha dos poemas para o varal, em cada edição do Projeto, procura atender a uma série de critérios objetivos, como quantidade, tamanho, origem, língua, época e temática. Tudo isso para formar um ambiente agradável e eclético, trazendo a poesia de todo canto, para todo mundo”, explica o idealizador do projeto, Ricardo Cabús.
.
“Não temos dúvidas que temos o que comemorar. O Deodoro está com o palco inativo, mas nós da DITEAL, com o apoio do Governador Teotônio Vilela Filho tem nos dado, não paramos, com projetos como o Quarta no Arena e Instrumental no Arena, sucessos de público com espetáculos alagoanos. É claro que gostaríamos de comemorar esse aniversário com o Teatro Deodoro em plena atividade, mas a reforma está acontecendo, para que daqui um ano, comemoraremos o Centenário neste que é o palco mais charmoso e importante de Alagoas”, falou Juarez Gomes de Barros, Diretor-Presidente da DITEAL
..
Com projetos voltados à produção local, como o Quarta no Arena e Instrumental no Arena, a DITEAL já contabiliza a presença de mais de cinco mil pessoas, apenas no Teatro de Arena Sérgio Cardoso, anexo ao Deodoro. Além disso, mais de 600 pessoas já visitaram as cinco primeiras exposições de artes visuais que estão acontecendo no Café da Linda, localizado também no prédio do Teatro Deodoro, como explica o Diretor-artístico da DITEAL, Alexandre Holanda: “Estamos trabalhando com as mais diversas manifestações artísticas e por isso convidamos o projeto Papel no Varal, para comemorarmos os 99 anos do Teatro Deodoro, pois é um projeto, que também lida com várias artes e vem formando platéia por onde passa”.
.
O evento será na sexta, dia 13, a partir das 20:30h, aberto ao público, e acontecerá no pátio externo do Teatro Deodoro, com a disponibilização de mesas. Informações: (82) 3315-5665.
.

  por Assessoria
.

Sem comentários: