Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Mindelo - variações temporais campesinas

* Victor Nogueira 

No quintal ou dentro de casa, lendo, escrevendo, arrumando a casa ou tomando as refeições, ao longo do tempo, dos dias e das noites, entre 2014 e 2017, do Verão ao Inverno, variado foi o horizonte para Norte, da neblina cinzenta ao azul com ou sem novelos de nuvens brancas, do soalheiro ao pluvioso, com ou sem trabalhos agrícolas, por vezes fotografando as aves, os aviões, o arco-íris ou o pôr do sol. Depois do meu regresso ao Sul, em Janeiro, caíu neve no Mindelo !


















































































~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~



cerca de 1976 - Maria Emília, Manuel, Conceição, Isabel, Zé Luís, Zé Barroso, Zé Luís. Teresa, Carlos, Alexandrina


em 1989 - Rui Pedro, Eduardo Filipe, Cláudia, Susana (jogando ao Master Mind)

Sem comentários: