Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

sexta-feira, 26 de junho de 2009

'Life' revela 'online' fotos inéditas de Marilyn Monroe

Preciosidade

03 Junho 2009

.

Imagens tiradas por Ed Clark em 1950, ainda a actriz era pouco conhecida, ficaram inéditas na 'Life' até agora. Marilyn aparece de camisa com monograma e calções, ou então de biquíni a ler um argumento.

.

Em 1950, o fotógrafo Ed Clark enviou vários rolos fotográficos à redacção da revista Life, em Nova Iorque, contendo uma sessão fotográfica de uma bela e sensual loura de 24 anos chamada Marilyn Monroe. A resposta que obteve foi: "Marilyn Monroe? Quem diabo é Marilyn Monroe?"

.

Quase 60 anos mais tarde, esses rolos foram encontrados na redacção da revista, que agora só existe online (www.life.com), que decidiu publicar 18 delas no seu site. Tiradas no Parque Griffith, em Los Angeles, as fotos mostram Marilyn, então apenas conhecida como modelo (apesar de já ter aparecido num pequeno papel em Quando a Cidade Dorme, de John Huston), usando calções e uma camisa com o seu monograma, ou de biquíni a ler um argumento não identificado. Numa entrevista dada em 1999, Clark explicou como tirou as fotos agora tornadas públicas: "Como ela ainda era uma desconhecida, foi fácil passar muito tempo a fotografá-la. Nós íamos para o Parque Griffith e ela punha-se a ler poesia".

.

Quatro anos antes destas fotos terem sido tiradas, Marilyn Monroe era ainda Norma Jean Dougherty, operária numa fábrica de munições e mulher de um marinheiro. Dois anos mais tarde, Marilyn seria capa da Life, e uma foto tirada por Ed Clark a ela e a Jane Russell no filme Os Homens Preferem as Louras, teria também honras de primeira página.

.

Dawnie Walton, editora da edição digital da revista, assegura que não são conhecidas as razões pelas quais estas preciosas fotografias nunca foram publicadas, mas juntamente com as imagens, nos arquivos, foi encontrada uma nota dirigida ao editor de fotografia, na qual consta que a sessão é "excessiva e foi mal revelada".

.

in DN 2006.06.26

.

.

Sem comentários: