Escrevivendo e Photoandando por ali e por aqui

“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente”.

Roland Barthes

.

«Ao lermos uma novela ou uma história imaginamos as cenas, a paisagem, os personagens, dando a estes uma voz, uma imagem física. Por isso às vezes a transposição para o cinema revela-se-nos uma desilusão. Quando leio o que a Maria do Mar me escreve(u) surge perante mim a sua imagem neste ou naquele momento da nossa vida, uma pessoa simples, encantadora, gentil e delicada.»

Victor Nogueira

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

REPÓRTER FOTOGRÁFICO, QUEM É ESSE PROFISSIONAL?



“O que a fotografia reproduz no infinito aconteceu apenas uma vez: ela repete mecanicamente o que não poderá nunca mais se repetir existencialmente” - Roland Barthes


2 DE SETEMBRO DE 2011
Por Jaqueline Pellizzon


Toda atenção com detalhes é fundamental para a obtenção de imagens únicas. Se você quer ser um repórter fotográfico, não descarte a emoção no momento em que estiver diante de um fato. Não pense muito, fotografe! Serenidade, paciência, estratégia, intuição, criatividade e perspicácia são ingredientes indispensáveis para um repórter fotográfico.

Os fotógrafos de jornais tem uma missão especial para cada trabalho e não estão “ali” somente para ilustrar ou retratar o acontecimento. É necessário que ele saiba como se comportar diante de cada situação e saber como capturar captura o ângulo para se adaptar aos textos e informar de maneira correta cada notícia. Assim como o texto, uma boa fotografia deve falar por si.

A arte de fotografar é transmitir suas emoções e olhares através das imagens de uma maneira consciente e é isso que o fotógrafo faz através de fragmentos de luz para apanhá-los tornando esses acontecimentos significativos e muitas vezes dramáticos.




Ilustração de Heinrich Böll

https://jaquelinepellizzon.wordpress.com/2011/09/02/reporter-fotografico-quem-e-esse-profissional/
***




Sem comentários: